A volta da verdade

news_OP

A volta da verdade

A reputação de uma marca é mais importante hoje, do que já foi antigamente, de acordo com 60% dos brasileiros. Em 2011, esse índice era de apenas 34%.  Aproximadamente um terço da base não acredita na maioria das informações que vêm das marcas e não confia na informação oferecida pelas empresas. 40% dos respondentes no Brasil acreditam que as pessoas os valorizam pelo conhecimento sobre categorias de produtos, entre os chineses, este número chega a 63% de acordo com a quarta edição do estudo New Realities, que toma como base entrevistas realizadas online no Brasil, China, Estados Unidos, Inglaterra e Rússia.

Esses índices, reforçam ainda mais a certeza de que estamos vivendo, finalmente, uma grande transformação social para o caminho do bem e da verdade. Está acabando a mentira no marketing, na comunicação, na política, nos esportes e nas pessoas.

Durante décadas, a grande preocupação do marketing foi com o retorno gerado pelas suas campanhas de vendas ao consumidor final, assim como suas ações nos pontos de vendas e seus eventos para os lojistas e afins. Porém, hoje, o marketing precisa se reinventar e buscar a melhor experiência de compra para os consumidores finais, deixando para trás o antigo “boca a boca”, dando palco às redes sociais e ao mundo digital em si, focando seus esforços e investimentos para o substituto do “boca a boca”, o “teclado a teclado”. 

Os canais de compra são inúmeros, as decisões de compra estão mais analíticas e a noção de valor de uma marca mudou. Promessas mentirosas, embalagens enganosas e anúncios discutíveis estão caminhando para o sepultamento de milhões de produtos e marcas nos próximos tempos, pois quando aumenta a fidelidade sustentada do consumidor final por uma marca, naturalmente, uma série de outras concorrentes, perdem mercado e com o tempo, acabam morrendo.

É fato que as marcas precisam de reputação, mas é essencial que essa reputação não seja propagada por elas próprias e sim experimentadas e testadas pelo consumidor que após o reconhecimento dela, se tornará fiel e propagador natural.

Simples assim. Vendam verdade com bom custo x benefício. E isso vale para todos.

O Big Asset faz isso. Clique aqui e saiba mais.